Relíquias antigas que acreditam ser datada de um embate da Coluna prestes ocorrido em Tupanciretã

Na quarta-feira, dia 21 de julho, o Prefeito Gustavo Terra acompanhado do Vice-prefeito e Secretário, Marcio Dias, receberam os irmãos Henrique e Guilherme Pereira, que vieram entregar os objetos extraídos do solo da área do Complexo Tupanciretã após uma busca, autorizada, por relíquias perdidas no solo através da utilização de detectores de metais, pratica conhecida como detectorismo.

Entre os achados, ponteira de adaga, uma moeda de 1970 de 10 centavos de cruzeiro, fivelas, munição de armamento – que os irmãos acreditam datar da época do embate da coluna Prestes em dezembro de 1924.

Conforme o Secretário de Cultura, João Flores, essa doação será disponibilizada no acervo do Museu Municipal, quando este puder ser aberto, para que as pessoas possam apreciar.

Henrique informou que as buscas por mais relíquias não foram encerradas, e os irmãos seguirão na mesma área, com seus equipamentos.

Data de publicação: 21/07/2021

Créditos das Fotos: Fernanda Malheiros

Compartilhe!